Rede de cuidado e bem-estar

Acompanhe

Rede de cuidado e bem-estar

Focar na alimentação regrada em tempos de home office pode ser um desafio

Há tempos, as pessoas se sentem confusas sobre o que comer e em quais quantidades, principalmente durante a semana, nos dias de trabalho. O que é e o que não é alimentação saudável afinal?

 

Essa dúvida pode ter ganhado espaço nos dias atuais. O home office foi uma medida implementada a fim de bloquear o contágio da Covid-19 e um dos maiores desafios desse novo sistema de trabalho tem sido a alimentação. Afinal, estar mais próximo à geladeira ou à despensa é um chamariz e tanto.

 

Segundo a endocrinologista Raissa Lyra, dentro de casa, devemos manter uma estratégia para evitar comer em excesso. A especialista destaca que é importante que façamos as refeições em um lugar diferente do ambiente em que escolhemos para trabalhar.

 

Em matéria da Folha de Pernambuco, Raissa ensina a não cair nas armadilhas alimentares de quem precisa trabalhar em casa. “Dentro de casa, deve existir algumas estratégias para evitar o excesso de consumo de alimentos, principalmente aqueles mais palatáveis, de baixo valor nutricional e alto valor calórico. Por exemplo, não comprar esse tipo de alimento ou se tiver em casa, deixá-lo longe de ambientes em que a pessoa costuma ficar por mais tempo, como sala ou quarto”.

 

Também é essencial, segundo a especialista, focarmos na ingestão de alimentos menos calóricos, principalmente por termos diminuído a frequência das atividades físicas. 

 

Falando em atividade física, esse quesito também precisa ser levado em consideração nos tempos de home office, principalmente se pararmos para pensar no que está sendo a pandemia de uma maneira generalizada, com o intuito de cuidarmos não só do corpo, mas também da nossa mente.



Abasteça a casa com alimentos saudáveis

 

Essa é uma das dicas do blog da rede de academia Nad’arte: Abasteça a casa com alimentos saudáveis.

 

Fica um tanto quanto difícil se alimentar bem quanto não temos alimentos saudáveis disponíveis. Sendo assim, mantenha a sua geladeira abastecida com frutas, verduras, legumes e proteínas, como carnes e ovos.

 

Cereais, massas e pães integrais, além de oleaginosas, leguminosas, leite e derivados também podem fazer parte de um cardápio equilibrado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

EnglishPortugueseSpanish
Abrir chat
Olá. Aqui é a Nido!
Posso ajudar ?

Nosso horário de atendimento é de 2a a 6a feira, das 8h30 as 17h. Deixe sua mensagem que um de nossos consultores irá responder assim que possível.